Obs.: a página impressa não é necessariamente idêntica à página exibida na tela.
Voltar ao topo.
4ª Etapa Maravilha
niver
Cadastre-se e receba nossas novidades:
--
logo 16590

Yamaha YZ 450F muda pouco para continuar no pódio

AnteriorPróximo
« Anterior« Última» Próxima» PrimeiraCategoria:Independe
ImprimirReportar erroTags:fonte, facilitar, brusco, partida, se, mantém, pedal e estilo465 palavras7 min. para ler
Yamaha YZ 450F muda pouco para continuar no pódio - IndependeVer imagem ampliada
Yamaha YZ 450F muda pouco para continuar no pódio
 


Yamaha YZ 450F muda pouco para continuar no pódio
Carlos Bazela
A Yamaha ocupa, atualmente, um belo terceiro lugar do Campeonato Mundial de Motocross na divisão de construtores. O resultado satisfatório pode ser um dos motivos pelos quais a marca dos três diapasões resolveu mexer pouco na versão 2015 da YZ 450F. O modelo pilotado pelo belga Jeremy Van Horebeek agora traz grafismos mais dinâmicos e leves aprimoramentos internos no propulsor para aprimorar o desempenho e o controle por parte do piloto.
Na pintura, o inconfundível azul da Yamaha continua presente. Os gráficos, entretanto, mudaram e o tom branco que predominava nas aletas laterais que protegem o radiador perdeu espaço. Agora, as letras “YZ”, que mal podiam ser vistas no modelo anterior, ocupam local de destaque sobre um fundo preto. Já o número 450 aparece mais alongado logo abaixo com a letra “F” escrita em cinza e quase imperceptível. As barras verticais crescentes, que caracterizam os modelos de competição da Yamaha, também estão presentes. Completam as mudanças visuais as rodas, que passam a ser na cor preta.
Monocilíndrico mais suave

O motor permanece o mesmo monocilíndrico de quatro válvulas com 449,7 cm³ quatro tempos de arrefecimento líquido e levemente inclinado para trás. Entretanto, ajustes finos no sistema de injeção eletrônica e de ignição foram feitos para deixar a entrega de potência mais suave. A mesma linha de raciocínio foi seguida nas peças que compõem o acelerador, revisadas para deixa-lo menos brusco. A partida, porém, se mantém a pedal, no estilo tradicional do off-road.
E, como estamos falando de um modelo de competição, facilitar a manutenção pela equipe de apoio também foi uma das preocupações. Assim, as tampas dos filtros de ar, anteriormente afixadas por parafusos, passam a contar com presilhas de engate rápido, o que facilita a substituição das peças.
Montada sobre um quadro tipo berço semi-duplo a YZ 450F teve pequenas alterações também na ciclística. Os freios continuam a disco tipo wave nas duas rodas, com diâmetro de 250 mm na dianteira e 245 mm na traseira; e o garfo dianteiro invertido ainda tem 310 mm de curso. A balança monoamortecida com link, todavia, teve uma redução e igualou seu curso com a suspensão dianteira com os mesmos 310 mm. O tanque tem capacidade para 7,5 litros de combustível e, pronta para rodar, a off-road da Yamaha pesa apenas 111 kg.
No Brasil

A YZ 450F está entre os modelos importados ao País pela Yamaha. Por enquanto, a marca não tem uma data estabelecida de quando o modelo 2015 com o novo visual e os poucos aprimoramentos mecânicos irá desembarcar por aqui oficialmente. Contudo, o modelo 2014 da off-road é vendido aqui pelo preço sugerido de R$ 38.970.
Fonte:
Equipe MOTO.com.br

Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it
Powered by Ofen Tecnologia da Informação